domingo, 31 de março de 2013

Golpe de Estado de 1964 teve no dia 01 de Abril o seu momento decisivo! - por Marcos Doniseti!

Golpe de Estado de 1964 teve no dia 01 de Abril o seu 

momento decisivo! - por Marcos Doniseti!

Jornal 'O Globo' apóia o Golpe de 64 e diz que com o mesmo a Democracia estava ressurgindo.  Acredite, se quiser... 


Aviso: O verdadeiro aniversário do Golpe de Estado de 1964 é o dia Primeiro de Abril, ok? E isso não é mentira, não. 

O dia 01/04/1964 foi, de fato, o dia decisivo do movimento Golpista. 

Foi neste dia que ficou claro que Jango não era mais Presidente da República e que o movimento Golpista tinha sido vitorioso. 

No dia anterior, 31 de Março, ocorreu apenas uma movimentação militar precipitada e que havia sido iniciada pelo general Olímpio Mourão Filho, um ex-Integralista e participante ativo do Golpe que implantou a Ditadura do Estado Novo de 1937-1945...

Assim, esse pilantra ajudou a implantar as duas Ditaduras mais brutais da história do Brasil.

Olímpio Mourão Filho iniciou uma movimentação militar para a qual os Golpistas de 64 ainda não estavam prontos. Tanto isso é verdade que o Castello Branco ficou desesperado quando ficou sabendo que ele estava indo de MG para o RJ com as suas tropas e entrou em contato com ele, dizendo que ele voltasse imediatamente para MG, pois eles não estavam prontos para deflagrar o Golpe.

Mas o governo de Jango já estava muito fragilizado, os governadores da Guanabara (Carlos Lacerda), São Paulo (Adhemar ee Barros), Minas Gerais (Magalhães Pinto) e do Rio Grande do Sul (Ildo Meneghetti) deram apoio ao movimento e o governo dos EUA imediatamente começou a enviar uma frota naval para apoiar os Golpistas.

Além disso, o comandante do II Exército (sediado em SP) Amaury Kruel, exigiu que Jango se afastasse dos movimentos populares (CGT, UNE) e dos partidos reformistas (PTB, PCB) para lhe dar apoio, o que Jango, é claro, recusou. E também já estava tudo pronto para o governo dos EUA reconhecer um governo dissidente, sediado em MG, sob a liderança de Magalhães Pinto, dizendo que o mesmo era o legítimo governo do Brasil.

E os EUA também já tinham milhares de agentes da CIA (disfarçados de estudantes, missionários, empresários, etc) espalhados pelo Brasil, prontos para entrar em ação quando o Golpe estourasse e a Guerra Civil iniciasse.

Daí, sem apoio para se manter no governo, Jango acabou percebendo que uma resistência seria inútil e resultaria numa guerra civil de resultados catastróficos e que as Esquerdas, com certeza, perderiam, pois não haviam se preparado para lutar uma guerra civil, algo que as Direitas Golpistas já o faziam e há vários anos.

Com isso, entramos numa Era de Trevas que durou 21 longos anos, de 1964-1985.

Links:

http://guerrilheirodoanoitecer.blogspot.com.br/2011/09/o-dia-que-durou-21-anos-episodio-1.html


http://guerrilheirodoanoitecer.blogspot.com.br/2011/09/o-dia-que-durou-21-anos-episodio-2.html


http://guerrilheirodoanoitecer.blogspot.com.br/2011/09/o-dia-que-durou-21-anos-episodio-3.html

Nenhum comentário: